O que faz de Orgulho e Preconceito um clássico tão encantador?

Li Orgulho e Preconceito em 2009, após assistir ao filme lançado em 2005. E, assim como no filme, eu me apaixonei pelas personagens, pela ironia, pela sagacidade, pela crítica e pela história escrita pela autora. Logo, neste post, eu resolvi questionar e mostrar o que faz de Orgulho e Preconceito um livro clássico tão encantador,Continuar lendo “O que faz de Orgulho e Preconceito um clássico tão encantador?”